sábado, 3 de abril de 2010

Shabat Shalom!


Nos dias primordiais da Criação, HaShem completava Sua obra diária com 'e eis que era bom'. Porém, ao concluí-la, D-us viu que TUDO era MUITO BOM - incluindo a coroa de Sua obra: o Homem. O potencial de sermos "muito bons" está naturalmente engendrado em nosso ser; não temos desculpas para sermos menos do que 'muito bons'. Que esse Shabat seja doce como o mel, e que façamos valer o bom decreto divino sobre nós.

4 comentários:

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails